SALVAGUARDA DO FREVO

Prezados instrumentistas, maestros, arranjadores, compositores, amantes da música étnica. Segue abaixo um belíssimo trabalho realizado pelo Iphan-PE, Casa do Carnaval, LAC  e Gerência de Preservação do Patrimônio Cultural Imaterial da Secretaria de Cultura da PCR). É constituído por partituras de frevo de rua, canção e frevo de bloco. Algo como memória musical. Acesse os link abaixo:

CD-ROM
Baixe aqui 120 partituras

Nossa função, enquanto Catálogo de Bandas de Música, realizado por uma ONG, é apenas tornar acessível esse patrimônio digitalizado.
Nosso
 intento é democratizar o frevo para quem executa: instrumentistas, regentes e arranjadores de Bandas de Música. 

Logo abaixo segue:

                               Textos – Encarte do CD-ROM

com-dvd

Parte I apresentação e concepção do projeto

O projeto de “Salvaguarda do Frevo: Acervo de Partituras” digitaliza 120 partituras de frevo, esta ação é parte de uma parceria entre o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan e a Prefeitura da Cidade do Recife por meio da Gerencia de Patrimônio Imaterial, entro de formação, Pesquisa e Memória Cultural – Casa do Carnaval e Laboratório de Conservação – LAC.

São partituras que agora estão disponíveis à população brasileira e podem ser socializadas a partir deste CD-ROM. Esse trabalho, de democratização da cultura, faz parte da política do Ministério da Cultura – MinC para os Planos de Salvaguarda. O frevo, como forma de expressão popular de Pernambuco, foi registrado em 09 de fereiro de 2007 em reunião do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural do IPHAN, realizado no Recife, na Igreja de São Pedro dos Clérigos. Desde então, o IPHAN-PE desenvolve projetos de salvaguarda que contribuem para a preservação dos bens intangíveis registrados.

As partituras dos Frevos de Rua, Bloco e Canção são variações de um gênero musical que faz parte da história da música popular brasileira, portanto podem e devem ser postas a disposição da população em geral geral garantindo a preservação do acervo. É com muito orgulho que o IPHAN-PE participa com a Prefeitura do Recife e a Gerência de Patrimônio Imaterial deste projeto.Viva o Frevo pernambucano!

Frederico Almeida Superintendente do IPHAN-PE obs.: texto extraído do encarte do 

encarte fre de rua

Parte II – Frevo de Rua

Dando continuidade ao Projeto de Salvaguarda do Frevo, este CD-ROM põe à disposição do grande público partituras de frevo digitalizadas – fruto do trabalho do Laboratório de Conservação do Casa do Carnaval. Cumpre-se deste modo, a preocupação maior de implementação da política cultural da Prefeitura do Recife no que toca a manutenção e preservação dos bens culturais imateriais da nossa gente. Para tanto, a equipe técnica priorizou os aspectos histórico e documental dos Frevos de Rua, Canção e de Bloco. A nossa meta-compromisso foi salvaguardar as obras dos nossos compositores. Afinal, entendemos que Nelson Ferreira, Capiba, Edgar Moraes, Toscano, Alcides Leão, Zumba e tantos outros merecem ser imortalizadas por meio dos registros fiés agora disponíveis.                                              Maestro Edson Rodrigues                                                                                                                                                                           obs.: texto extraído do encarte do CD-ROM

encarte frevo canção
Parte III – Frevo Canção

O registro do frevo como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil, proposto em 2007 pela Prefeitura do Recife e reconhecido pelo Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional – IPHAN, referenda uma significativa ação do Estado brasileiro no seu papel de promover e proteger os nossos bens patrimoniais.

O Registro é parte das políticas públicas para a cultura que por meio d instrumentos e ações legais, buscam atender aos objetivos de valorização e preservação desses bens. É a partir de tais politicas e seus desdobramentos que se torna possível consolidar as responsabilidades do Estado e da sociedade civil no compromisso de garantir perpetuidade, condições matérias, produção, transmissão, divulgação e consequente salvaguarda.

O trabalho que se apresenta atende ao Projeto Memória do Frevo – Acervo de Partituras, iniciado com as intervenções de restauro e acondicionamento para a sua conservação e salvaguarda. No momento. Cumpre o papel de visibilizar, ampliar o uso e a acessibilidade ao conjunto documental investigado.

Reconhecemos ser apenas o primeiro passo de um longo caminho a percorrer, ao mesmo tempo em que recomendamos aos diversos atores públicos e privados que atuem de forma articulada e complementar, com papeis e responsabilidades definidos conjuntamente, somando os esforços de todos numa ação que garanta a valorização e continuidade dos nossos acervos musicais.

Carmem Lélis Gerência de Preservação do Patrimônio Cultural Imaterial da Secretaria de Cultura (PCR)

encarte frevo de bloco
Parte IV – Frevo de Bloco e créditos projeto
O Frevo É... Fig - 2013Ações de Salvaguarda

“ao que se destina”

          • Transmissão de conhecimentos de detentores e/ou produtores de bens culturais de natureza imaterial para as novas gerações;
          • Sistematização de informações, constituição e implantação de banco de dados;
          • Apoio à produção e conservação de acervos documentais e etnográficos, considerados fontes fundamentais de informação sobre patrimônio cultural imaterial;
          • Incentivo a ações de reconhecimento e valorização de detentores de conhecimentos e formas de expressão tradicionais e apoio às condições sociais e materiais de continuidade desses conhecimentos; apoio a ações que visem à organização comunitária e gerencial de produtores ou detentores de bens culturais;
          • Apoio a ações de melhoria das condições de produção e circulação de bens culturais imateriais, numa perspectiva de preservação de meio ambiente e de proteção de contextos culturais específicos;
          • Apoio a programas de desenvolvimento social e econômico que incluam e valorizem o patrimônio cultural imaterial das comunidades envolvidas;
          • Desenvolvimento de programas educativos com vistas à democratização e difusão do conhecimento sobre o patrimônio cultural em questão.

_____________________________

veja também: https://catalogobandasdemusicape.wordpress.com/o-frevo-e-a-banda/

veja também: https://catalogobandasdemusicape.wordpress.com/memorial-virtual/

veja também: http://casadocarnaval.blogspot.com.br/p/publicacoes-recentes.html/

Anúncios