Memória Virtual

coreto: um encontro com o passado

MEMÓRIA VIRTUAL

“A memória faz parte do processo de conhecimento, sendo considerada fundamental para guardar as lições tiradas do passado. Útil para o processo evolutivo pela capacidade de arquivar, de modo gradativo, individual ou coletivo, lições apreendidas por acumulação, contudo intensificadas por associação de novos significados”.

________________________________________________

programa radiofônico, da década de 1960, realizava concurso de Bandas Musicais do Interior, patrocinado pela “Argos Industrial de São Paulo S/A”.

__________________________________________

CONSTRUÇÃO DE  MEMÓRIA VIRTUAL-MUSICAL
(OBRAS E AÇÕES)
estação central do recife inicio sec XX

Estação Central do Recife, inaugurada em 1885 pela empresa inglesa Great Western (fonte:http://tokdehistoria.com.br/)

Com o Catálogo Online Bandas de Música de Pernambuco visamos divulgar a história, desenvolvimento e atividades destas instituições existentes em nosso estado há mais de um século. Ao mesmo tempo.

Criamos o espaço para a Memória Virtual-Musical como meio para homenagear personalidades oriundas deste específico universo cultural-musical. O objetivo é divulgar a memória do trabalho realizado por maestros, regentes, compositores, arranjadores, instrumentistas, copistas, pesquisadores, escritores, colaboradores e entusiastas das Bandas de Música  em Pernambuco. Muitas personalidades, em quase dois séculos de história destas instituições em Pernambuco, colaboraram para criação, desenvolvimento e manutenção das Bandas, Filarmônicas, Associações e Sociedades Musical existentes em todo estado. 

MEMORIAL DAS BANDAS

Curica - Goiana

Curica – Goiana

Por analogia, nossa memória tem inicio em 1848, quando foi constituída a primeira Banda de Pernambuco (Banda Musical Curica). Assim estamos falando em memória musical que conta também o processo de evolução pernambucano.

São 161 anos de atividade artístico-etnográfico e pedagógico-cultural. Desde então as Bandas elaboram a Memória de seus Municípios de origem, numa continuidade secular desenvolvida diariamente, um tipo de memória de organização social específica, perpetuada por esta e várias outras instituições em nosso Estado.

Contamos com a colaboração das Bandas de origem, para a criação deste conteúdo.

Solicitamos aos que queiram colaborar com textos, imagens ou outros documentos sobre tais  personagens ou a história das Bandas em Pernambuco enviem-nos material para veiculação do mesmo.

A banda é um grupo artístico musical de interação social, composto de várias pessoas que se unificam formando uma só classe: músicos.

Vê-se na banda pessoas de idade tocando ao lado de adolescentes, pretos ao lado de brancos, pai ao lado do filho, todos sem diferenças, executando seus instrumentos.

Banda de Música da Empresa Pernambuco Tramwais, numa apresentação na década de 20 (século XX)

A criação deste “Memorial Virtual” é um espaço específico, dentro do Catálogo Online Bandas de Musica de Pernambuco, foi criado para manter ideias e modos de agir dos muitos Mestres Regentes, Compositores, Escritores, Pesquisadores e grandes instrumentistas que se destacaram em suas trajetórias. Entre nós a grande variedade de instrumentistas, perspicazes e dedicados a Música, tornaram “nosso Estado em grande celeiro de talentos”.

A ilustração abaixo apresenta as bandas com mais de 100 anos de fundação.  Estas instituições são testemunhas das muitas mudanças sociais ocorridas em Pernambuco. No inicio do século passado o rádio foi o veículo que mudou a história delas. Do mesmo modo será a Internet o meio pelo qual, nesse novo século, ganharão um novo fôlego.